Arquitetura e Construção | 28/07/2020

História dos Softwares: SketchUp

História do SketchUp

 

Como arquiteto ou designer de interiores, você possivelmente já teve alguma dificuldade em apresentar aos seus clientes suas ideias, não é mesmo?

Levando em consideração essa dificuldade, alguns softwares foram desenvolvidos e o SketchUp figura como um dos destaques nesta área. O SketchUp é um instrumento desenvolvido para projetar imagens 3D, normalmente utilizado em desenhos arquitetônicos, componentes e modelos.

Os profissionais dessas áreas necessitam de bons aparatos para desenvolverem o seu trabalho, aí entra o SketchUp como uma ferramenta de extrema utilidade no âmbito. Além disso, no site do SketchUp é possível encontrar utilitários de aprendizagem, bem como fórum oficial e tutoriais em vídeo para auxiliar no uso do software. 

Atualmente, o programa já conta com comunidades e fóruns de usuários no mundo todo, como o SketchUp Brasil. Mas, você tem curiosidade de saber como e quando surgiu este software? 

Ficou interessado em saber mais? Então vamos lá!

 

Softwares 3D

 

A história do SketchUp

Antes de conhecer todos os benefícios que este software tem a oferecer para a sua atividade profissional, que tal compreender um pouco mais sobre a História do SketchUp? 

O SketchUp foi desenvolvido pela Startup Last D. Software, em Boulder, no estado do Colorado em 1999. Logo, foi lançado em 2000 como um instrumento para criação de projetos em 3D. Devido à facilidade de seu manuseio, foi inserido rapidamente no mercado de indústria da arquitetura, então logo foi revisado para ser utilizado e servir em trabalhos profissionais dessa área

 

SketchUp

 

O segredo do crescimento e do sucesso do Sketchup é a grande facilidade de aprendizado do software, ao contrário de outros softwares concorrentes que exigem mais do usuário final.

Posteriormente, o SketchUp foi comprado pela Google, assim como a empresa que o desenvolveu, em 14 de março de 2006. Após algumas atualizações, a ferramenta foi vendida para a Trimble Navigation em 2012, empresa responsável pela sua manutenção até os dias de hoje.

O SketchUp é encontrado em duas versões: a versão profissional, Pro. e a versão gratuita, Make (apenas para uso privado/pessoal). No site americano do SketchUp, é possível encontrar para download a versão 2014 em inglês do software de forma gratuita. 

 

SketchUp

 

No Brasil, sua revendedora autorizada é a totalCAD Softwares Técnicos, que disponibiliza em sua página downloads de avaliação da versão Pro em português. O programa está disponível para os sistemas Windows e Macintosh.

 

Quais profissionais utilizam o SketchUp?

Atualmente diferentes profissionais são adeptos ao software, dentre eles:

  • Arquitetura
  • Carpintaria
  • Vitrinismo
  • Cenografia, cinema e teatro
  • Design de cozinhas e banheiros planejamento urbano
  • Design de interiores
  • Design de games (jogos)
  • Design Gráfico
  • Estruturas de concreto, madeira e metálica
  • Edificações em geral
  • Paisagismo
  • Topografia

 

Quer saber como o SketchUp pode ajudar na sua atividade?

A resposta é: as suas atividades serão desenvolvidas com muito mais facilidade e de forma mais dinâmica quando comparado com o desempenho de outros softwares que trazem a mesma proposta. Além disso, você alocará a sua ideia no papel, sendo uma excelente opção para vender os seus principais projetos de uma maneira extremamente profissional.

Esse software abriga toda estrutura necessária para elaborar layouts e ampliar a sua visão espacial de cada criação. Esse é o caso dos projetos com topografias bem definidas, como as modelagens de terrenos, que necessitam de percepções mais detalhadas e práticas.

Você sabia que com o SketchUp é possível projetar uma maquete eletrônica em 3D?

Este também é um dos destaques desse software, mais um fator que justifica seu amplo uso em todo o mundo. 

 

O Hardware perfeito Razor

 

Como fazer projetos no SketchUp pode ajudar na sua atividade profissional?

Após vermos melhor o que é SketchUp e como ele surgiu, que tal algumas dicas de como utilizá-lo e se beneficiar desse poderoso software?

O SketchUp nos ajuda em diversas etapas ao longo do processo criativo e de execução dos projetos. Por meio da modelagem 3D do SketchUp, é possível criar ambientes em questão de horas e, assim, expandir nossa percepção espacial dos projetos. Em vista disso, esta percepção é naturalmente refletida em uma execução e projeção aprimorada do profissional.

Além disso, projetos com topografias mais complexas também podem ser melhor explanados através da modelagem dos terrenos no SketchUp, sendo uma inovação na época em que foi lançado. A implantação, por sua vez, pode ser mais acertada e refletida de forma prática.

 

SketchUp

 

Outro fator de destaque está na facilidade de escolha dos materiais. No SketchUp encontra-se um leque infinito de aplicações.

Os materiais podem ser substituídos de forma fácil e intuitiva no SketchUp, que oferece possibilidades de cálculos de área para realizar orçamentos de pintura e revestimentos em geral, diferente de softwares concorrentes. 

Dessa forma, temos como orçar todos os itens de um projeto no SketchUp e ter ideia de quais serão os gastos. O SketchUp irá, por exemplo, calcular a quantidade de parafusos até mesmo numa estrutura metálica ou pré-fabricada, já entregando uma média de seus valores e qual será o investimento do cliente

Com esta função o controle do projeto passa da modelagem 3D e se reflete também na sua execução.

Existem diversos atalhos no teclado para dinamizar o seu trabalho no SketchUp:

 

SketchUp

 

Após a compra pela Google, a ferramenta também passa a aceitar diversos plugins (inclusive desenvolvidos por outras empresas) que podem ser utilizados até hoje. 

Os principais plugins são:

  • Google Earth: permite que sejam criados modelos em 3D no SketchUp para serem implantados posteriormente numa localização à escolha no Google Earth.
  • SketchyPhysics: este plugin é feito para realizar simulações físicas a partir de equações newtonianas (de maneira simples e rápida) com objetos criados no SketchUp. Além disso, possibilita interações em tempo real entre o usuário e os ambientes virtuais criados por meio de teclado, mouse e também joysticks.
  • MicroStation: permite abrir ficheiros de formato SKP (o formato nativo do SketchUp) e gravar em seguida os modelos no formato DNG (outro formato de projeto).
  • ArchiCAD: possibilita aos usuários de ArchiCAD a leitura de modelos feitos em SketchUp. Ele permite que importe modelos em 3D do SketchUp no ArchiCAD, para o desenho detalhado em CAD de arquitetura no ArchiCAD.

 

E aí, gostou de conhecer mais sobre esse a História do SketchUp, um importante e inovador software que é um dos mais utilizados por arquitetos e engenheiros ao redor do mundo?

Se você é da área, que tal entrar em contato com os especialistas da Razor e montar o equipamento perfeito para utilizar este software na sua atividade profissional?

 

Calculadora Razor

ASSINE NOSSO BLOG

Receba nossas publicações em seu e-mail.
Prometemos não exagerar :)

    WhatsApp