Hardware | 28/04/2020

O que é um notebook workstation?

Você sabe o que é um notebook workstation? Então, vamos explicar tudo sobre o assunto neste post.

Sente dificuldades em executar as tarefas do dia a dia no seu notebook convencional? Provavelmente se trata de um modelo básico, sem as configurações mínimas necessárias para atender bem ao seu ritmo de trabalho.

Isso pode influenciar diretamente na sua produção e atrapalhar a construção de bons projetos — porém, como solução, é possível montar uma workstation. Mas o que caracteriza um notebook workstation de fato?

No post a seguir, vamos mostrar quais configurações o equipamento precisa ter para ser classificado como tal. Então, continue a leitura e aproveite nossas dicas!

Quais são as vantagens de usar um notebook workstation?

Workstations (estações de trabalho) são representadas por computadores e notebooks modulares, com desempenho geral muito superior aos computadores convencionais. Isso porque não trazem uma configuração padrão, podendo ser montados de acordo com a necessidade de cada profissional.

Um editor de vídeos e animações em 3D, por exemplo, precisa de um modelo equipado com uma placa de vídeo adequada e tela de alta resolução. Já arquitetos e engenheiros dependem de um processador mais robusto.

Ao contar com um notebook montado exclusivamente para a sua demanda de trabalho, você pode realizar trabalhos mais rapidamente e aumentar a produção com qualidade. Isso deve contribuir para a geração de uma boa imagem profissional, o que fideliza os clientes atuais e atrai novos por indicações.

O que caracteriza um notebook workstation?

Agora que você já conhece as vantagens de usar um notebook workstation para trabalhar, separamos abaixo algumas das principais configurações necessárias para que seja considerado de alto desempenho. Confira!

Espaço de armazenamento

Em relação ao espaço disponível para o armazenamento de arquivos, um notebook workstation deve usar um dispositivo SSD (Solid-State Drive) PCIe NVMe ultrarrápido de, no mínimo, 120 GB. Além disso, o equipamento deve ser complementado por um HDD de 1 Terabyte.

Essa configuração fornecerá espaço suficiente para você instalar softwares mais pesados no notebook e armazenar arquivos grandes, gerados em seus projetos digitais.

Sistema operacional

Um sistema operacional recente e atualizado é o que vai garantir maior segurança e entregar funções de compatibilidade com os softwares mais importantes. Por isso, seja Windows ou macOS, é importante que use a versão mais atual possível, permitindo a instalação dos updates sempre que forem disponibilizados pelo desenvolvedor.

Considerando que as novas versões vão ficando cada vez mais pesadas, a capacidade de processamento do seu notebook é testada a novos patamares de exigência. Dessa forma, se não forem feitos upgrades, logo a máquina começará a travar e fechar os trabalhos em andamento sem salvá-los.

Sistema de áudio

Se você trabalha com edição e renderização de vídeos, sabe que a qualidade do áudio é um componente fundamental para garantir resultados satisfatórios. Para suprir essa necessidade, o notebook workstation deve oferecer um sistema de som com bom grave, potente e sem ruídos.

Uma forma de conseguir isso é adquirindo modelos com certificado de áudio Dolby. Essa configuração deve melhorar sua experiência de trabalho e entregar resultados incríveis.

Placa de vídeo

Outro componente importante para quem trabalha com edição de imagens e animações é a placa de vídeo. Um notebook workstation deve contar com uma do tipo NVIDIA Quadro P3000, com 6 GB de memória GDDR5 e 1280 CUDA Cores.

Isso garante uma boa performance visual, facilitando o processo de abertura dos arquivos mais pesados, a renderização de vídeos com maior qualidade e a execução deles sem que travem.

Trata-se de uma configuração indicada principalmente para quem realiza projetos de modelagem, fotorrealismo, imagens em 3D, vídeos e animações imersivas. A tecnologia VR (realidade virtual) pode ser facilmente implementada nesse caso.

Processador

Um dos fatores mais importante para uma workstation é o desempenho entregue. Por isso, o notebook não pode ter qualquer processador. O Intel Core i7 7700HQ costuma ser suficiente, pois permite abrir e rodar programas pesados de forma rápida e suave.

Sem contar que, para executar diversas funções simultâneas sem travar, o processador deve ter quatro núcleos operando com até 3,8 GHZ de velocidade Turbo Boost.

Ergonomia

Um notebook workstation representa uma ferramenta de trabalho que os profissionais passam horas ininterruptas utilizando. Por conta disso, você deve se preocupar com o seu design. A ergonomia tem tudo a ver com uma posição mais confortável de uso, o que contribui para uma melhor qualidade de vida.

Considerando esse fator, você deve ficar atento a alguns detalhes no modelo, como tamanho do display, tipo do teclado, ajustes de posição da tela e material utilizado no revestimento. O ideal é testá-lo antes da compra e verificar as posições possíveis.

Memória

A memória é um dos componentes que contribui para o bom desempenho do notebook. Então, se você busca uma workstation devidamente equipada, deve contar com uma memória DDR4 de pelo menos 16 GB, com 2400 MHz de potência.

Acredite, isso vai economizar muito do seu tempo na busca por arquivos armazenados e quando for abrir as últimas versões salvas. Se a agilidade é uma característica importante na sua profissão, você deve considerar a memória da máquina.

Tela

Por fim, é a tela que fornecerá o contato direto entre você e seus trabalhos digitais, demonstrando os resultados. Por isso, ela precisa entregar uma resolução Full HD (1920 x 1080 p). Uma versão QHD (2160 x 1440 p) também pode ser suficiente, pois tem qualidade visual acima dos modelos convencionais. Quanto ao tamanho, a recomendação é ficar entre 15 e 17 polegadas.

A abertura oferecerá espaço suficiente para você dividir a tela com outros programas em uso simultâneo sem que pareçam miniaturas. A função é particularmente útil para engenheiros, arquitetos, publicitários, fotógrafos e editores de vídeo ou imagens. Esses modelos de tela podem trazer:

  • alta luminosidade;
  • gama de cores ampliada;
  • mais ângulos de visão;
  • experiência de trabalho aprimorada.

Se sua profissão exige um notebook workstation, que tal recorrer à consultoria da Razor Computadores? A empresa é especializada em montar estações de trabalho de acordo com as necessidades dos clientes, contando com uma linha de máquinas já montadas para atender a demandas específicas.

Gostou das dicas? Então, aproveite a oportunidade para conhecer os notebooks workstation da Razor agora mesmo!

ASSINE NOSSO BLOG

Receba nossas publicações em seu e-mail.
Prometemos não exagerar :)

    WhatsApp